Exoplanetas no sistema Trappist-1 são mais propensos a serem habitáveis do que os cientistas pensavam anteriormente, sugere estudo.

Um novo modelo computacional que simula a evolução das atmosferas planetárias descobriu que a água pode ter sobrevivido em alguns planetas do fascinante sistema planetário. Por anos, os cientistas têm debatido sobre as chances de vida existir em sete planetas fascinantes que orbitam a estrela Trappist-1, o sistema planetário mais famoso além do nosso próprio […]

Continue Lendo